domingo, 3 de março de 2013

Piri Reis, o turco desconhecido



 
Na passada semana vi um documentário no Canal História, sobre Piri Reis, almirante turco, cartografo sem igual, militar ousado e corsário. 
E Académico e Homem ainda impar para os turcos do século XXI.
Mas deixe-mo-nos de coisas, Piri Reis foi real, de carne e osso e não nenhuma figura mística ou nenhum ET.
A sua estátua está conjuntamente com a do Sultão Soleimão à porta da Grande Mesquita Azul, em Istambul, na Turquia.
Já tinha lido algumas coisas sobre Piri Reis enquanto deambulava pela internet.
Mas havia muita especulação...

Especialmente sobre o mapa de Piri Reis, que está muito à frente do seu tempo, uma vez que destaca sem igual e com uma precisão notável, as costas do Leste da América do Sul, o Noroeste de África, as Antilhas, a Europa e pasme-se ainda, a Antárctida, muitos anos antes de ser descoberta(!) Glup, verdade.

Ficheiro:Piri reis world map 01.jpg 
 
A Turquia de Quinhentos era a verdadeira Potência Um da Terra e não a esparrela que nos contaram nas aulas de História.
Piri Reis desde muito novo, que percorreu todos os postos da Armada Turca. 
Várias questões se levantam:
E se os turcos tivessem dado a volta a África?
Eles tinham postos avançados em Zanzibar e tinham descido a costa de Moçambique e há ainda a milenar presença árabe, no Senegal e em Moçambique.  
Eles estiveram na Índia, estabeleceram contactos com os chineses e se tivessem chegado às Américas? 
E à Antárctida
Muitos anos antes doutros europeus? 

 
Os Turcos dominavam o Mar Mediterrâneo, o Mar Vermelho e o Golfo Pérsico, e todas as rotas comerciais. E estavam às portas de Viena!


Mas nós ocidentais andamos muitas vezes com os olhos vendados e não vemos o que deveríamos ver.

 
A obra notável de Piri Reis foi oferecida a Solimão, o Magnifico e esteve resguardada até 1929, na Grande Mesquita Azul, em Istambul, altura em que o pai da Moderna Turquia Mustafa Kemal Atatürk revelou aos atónitos ocidentais, parte do mapa de Piri Reis.
Os turcos passaram então um atestado de estupidez aos avançados europeus de então. 
Mas, onde anda o resto do mapa?

 
Sim, porque nós só conhecemos uma parte do mapa. O mapa era mais que um mapa, era um magnífico livro que foi oferecido pelo Almirante Piri Reis, ao seu Sultão, Solimão, o Magnífico. 
Do qual só se conhecem dois exemplares, o original e um outro.
Esse livro era composto por portulanos (cartas marítimas) e era maravilhosamente decorado. O livro foi escrito por Piri Reis e as cartas desenhadas por este militar e cartografo turco de grande visão.
Piri Reis navegou pelos oceanos terrestres para ridigir a sua obra, ao contrário de muitos disparates que li. A obra de Piri Reis foi ocultada do mundo, pois as cartas marítimas eram objecto de cobiça e de grande segredo e tratadas como se de segredo de estado fossem
E está visto que antes dos portugueses e dos espanhóis, os turcos conheciam melhor o mundo e os sete mares.

  
Pelos vistos não foram só os portugueses e os espanhóis de Quinhentos que conheciam os segredos do mundo que estava por desvendar.
Agora há uma coisa que me faz espécie. 
Se, os turcos conheciam a existência doutros continentes, tinham meios humanos e não só, porque motivo não avançaram para os Descobrimentos?
E parece que muito antes dos turcos, já os chineses e os antigos egípcios conheciam melhor o planeta, do que os seus descendentes...

É que a História poderia ter sido outra...

Para outras leituras:

Via http://kafekultura.blogspot.com.br/

2 comentários:

  1. Não esqueça os Fenícios.

    ResponderExcluir
  2. Ever wanted to get free Google+ Circles?
    Did you know that you can get them ON AUTO-PILOT & ABSOLUTELY FOR FREE by registering on Like 4 Like?

    ResponderExcluir